21.2.06

A Ratoeira

Olá, Amigos!!!


Às vezes tendemos a achar que apenas existem os nossos problemas... Que o que acontece no mundo todo não nos diz respeito.. Que por ser com o vizinho, do outro lado da rua, em outra cidade, em outro país... não nos diz respeito. Ledo engano.

Vamos tentar abrir um pouco mais o coração, olhar mais ao redor... Às vezes as pessoas que encontramos nas mais variadas situações estão precisando apenas de um estímulo, um cumprimento, um sorriso...

Quando saímos de nosso mundo privado e fazemos nosso coração alcançar novas dimensões... lições nos são reveladas... lições de humildade, amor, amizade.

Que tal se hoje ajudarmos alguém? Um desconhecido, quiçá...

Uma quarta-feira bem graciosa a todos!!!

Muita Luz!!!




A Ratoeira

"Um rato, olhando pelo buraco na parede, vê o fazendeiro e sua esposa abrindo um pacote. Pensou logo no tipo de comida que poderia haver ali. Ao descobrir que era uma ratoeira ficou aterrorizado. Correu ao pátio da fazenda advertindo a todos:

"- Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira na casa !!! "

A galinha, disse:"- Desculpe-me Sr. Rato, eu entendo que isso seja um grande problema para o senhor, mas não me prejudica em nada, não me incomoda."

O rato foi até o porco e lhe disse:"- Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira !!!"

"- Desculpe-me Sr. Rato, disse o porco, mas não há nada que eu possa fazer, a não ser rezar.
Fique tranqüilo que o senhor será lembrado nas minhas preces."

O rato dirigiu-se então à vaca. Ela lhe disse:"- O que Sr. Rato? Uma ratoeira? Por acaso estou em perigo? Acho que não!"

Então o rato voltou para a casa, cabisbaixo e abatido, para encarar aratoeira do fazendeiro. Naquela noite ouviu-se um barulho, como o de uma ratoeira pegando sua vítima. A mulher do fazendeiro correu para ver o que havia pego. No escuro, ela não viu que a ratoeira havia pego a cauda de uma cobra venenosa. E a cobra picou a mulher...

O fazendeiro a levou imediatamente ao hospital. Ela voltou com febre. Todo mundo sabe que para alimentar alguém com febre, nada melhor que uma canja de galinha. O fazendeiro pegou seu cutelo e foi providenciar o ingrediente principal.

Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos vieram visitá-la. Para alimentá- los o fazendeiro matou o porco. A mulher não melhorou e acabou morrendo. Muita gente veio para o funeral. O fazendeiro então sacrificou a vaca, para alimentar todo aquele povo. Na próxima vez que você ouvir dizer que alguém está diante de um problema e acreditar que o problema não lhe diz respeito, lembre-se que, quando há uma ratoeira na casa, toda a fazenda corre risco.

O problema de um é problema de todos."

10 comentários:

Mari disse...

Boa noite, Espuminha solidária!
NOOSSAAAA!!!
Que inspiração!
Obrigada por nos brindar com um post tão belo!
É realmente muito importante parar de olhar apenas pra o próprio umbigo e começar a enxergar os outros...
Falo de olhar para o próximo, o irmão necessitado...
Os nossos olhos só enxergam aqueles que o nosso coração acolhe...
Vamos ser humildes, bondosos e caridosos...
Vamos começar a ajudar, a doar, a amar incondicionalmente o irmão, o planeta...
"Nós somos todos um...ajudando os outros, estamos ajudando a nós mesmos..."
Pensemos em equipe, sejamos solidários e vamos melhorar a nossa vida, a do irmão...e o nosso planeta!
A tua ALEGRIA é minha...
Mas, a minha TRISTEZA também é tua...
Vamos compartilhar e dividir...
Tenhamos uma linda quarta-feira!
Um grande abraço em equipe!

Nana Flash disse...

Inspirado, esse post :)
Pessoas que soh olham pro proprio umbigo nao tem a capacidade de ver o quanto eh maravilhoso dividir-se com outras pessoas... alegrias e tristezas!
Tenha uyma quarta iluminada :)

beta paes disse...

Kaaaaa!!!

Acho lindo o teu modo de pensar no mundo como um todo. De se solidarizar... de viver o que vc sente no seu coração que é certo. vc é um anjinho! :}
beijos no teu coraçãozão!

Morganashiva disse...

É interessante mesmo notar que sem interações, sem apoio, sem gestos altruístas, sem união, fica faltando um pedação da gente...vamos estudar o Hermetismo, hein?! hehehe

Beijos!

Muita Luz!!!

Mel disse...

Esse texto da ratoeira é otimo pra nos fazer refletir..
Otimo carnaval.
Bjks

Mari disse...

Boa noite, Estrelinha LINDA!!!
Obrigada por todas as noites vim iluminar o meu céu!
Você espalha LUZ, ALEGRIA, BONDADE, AMOR e OTIMISMO por onde passa...
Tenho aprendido muitas coisas lindas com nossa amizade!
Obrigada por existir!
Que estejamos juntas através do SEMPRE!
TE AMOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!
Quero te pedir um presente muito especial não só pra mim...
Mas, também pra todos que flutuam aqui...
Um post novo, muito alegre, muito iluminado e FELIIIIIIIIIIIIIIZ!!!
Saudades de você e de suas lindas palavras!
Volta logo!
Um grande abraço em seu coração!

SauloMoretti disse...

O valor do próximo é tudo...
Auxiliar quando puder. Fazer o bem sem olhar a quem. Nós somos o desejo de seguir para Deus. Mas entre Deus e nós o nosso próximo é a ponte. O criador atende às criaturas através das criaturas. É por isso que a oração somos nos,mas o nosso merecimento está nos outros. Isso nos recomenda André Luis.

Saulo Moretti

Espuma Flutuante disse...

É isso aí, amigos!
Façamos nossa parte com todo amor!

Lindas palavras, Saulo! Nosso próximo é nossa ponte a Deus!

Um grande abraço, queridos!

Jaka disse...

Adorei o texto, principalmente por se aplicar perfeitamente ao nosso cotidiano. Hj em dia as pessoas estão cada vez mais egoístas, e só tomam uma atitude se aquilo lhe trouxer algum benefício. O mundo seria melhor se a solidariedade reinasse no coração dos homens.
Bom texto para refletir.
Bjuss, amiga!

Nina disse...

Boa tarde,
Concordo com a msg guando fala em cuidar do outro...
Se não é meu problema, não tenho que me preocupar com ele.
Isso é um enorme engano, o pequeno problema do outro hoje pode tornar-se um grande problema para você amanhã.
Vamos ajudar quem precisa...
Muita paz...